IMPRENSA

27/12/2011IMPRENSA, Norte/Nordeste, Noticias

Caixa recebe empresários pernambucanos

No ano de 2011, a Regional NNE da ABCP realizou ações e eventos para estimular o uso do sistema de paredes de concreto celular em habitações, sobretudo do programa Minha Casa, Minha Vida.

Em outubro o gerente Eduardo Moraes acompanhou a Brasília, um grupo de empresários e profissionais pernambucanos, para uma reunião com o vice-Presidente de Governo da Caixa Econômica Federal (CAIXA), José Urbano Duarte, e sua equipe técnica. O intuito do encontro foi analisar a possibilidade de o banco financiar uma obra de oito pavimentos com a utilização da tecnologia, pertencente à Pernambuco Construtora e localizada na Cidade da Copa 2014, a apenas dois quilômetros da Arena Pernambuco, no município de São Lourenço da Mata. Lá, o empreendimento contempla a construção de 2.200 unidades habitacionais em paredes de concreto celular.

“O mesmo projeto desses apartamentos deve ser replicado em outra obra da construtora, na cidade de Ipojuca, próximo ao porto de Suape, litoral sul pernambucano, para a construção de 5.800 moradias“, adianta Eduardo Moraes. Segundo ele, a Pernambuco Construtora está interessada em continuar utilizando a tecnologia em suas obras de habitação popular pelo sucesso que teve com seu uso em outro empreendimento, situado também em Ipojuca, com 640 unidades já construídas.

Até o momento, a Caixa só financiava prédios de até cinco andares para o sistema de paredes de concreto moldadas in loco. “Nessa reunião, conseguimos que ela abrisse essa exceção para o uso da tecnologia, primeiramente, em paredes de concreto moldadas in loco nessas obras da Pernambuco Construtora“, comemorou o gerente da ABCP.

Tags: