IMPRENSA

28/10/2010IMPRENSA, Norte/Nordeste, Noticias

CREA/CE e ABCP apontam soluções para as calçadas de Fortaleza

O Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Ceará (Crea/CE), em parceria com a Regional NNE da ABCP, realizou no dia 23 de setembro, em Fortaleza, o 1º Seminário Cearense de Calçadas e Acessibilidade. O evento reuniu cerca de 140 participantes, entre estudantes e profissionais de engenharia e arquitetura, empresários de hotéis, restaurantes, bares e lojas, além de gestores públicos e privados das áreas de construção, saneamento e iluminação.

O objetivo do seminário foi apontar as parcerias necessárias para que Fortaleza seja uma cidade acessível e acolhedora para habitantes e turistas. Sob essa ótica a Copa 2014 foi o foco dos temas abordados –, uma vez que a cidade sediará alguns jogos. O evento também destacou as vantagens e características de sistemas construtivos adequados para calçadas.

O encontro teve a presença e participação de representantes da Universidade Federal do Ceará, Construtora Mota Machado, Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza, Departamento de Estradas de Rodagem, Tribunal de Contas do Ceará, Instituto de Arquitetos do Brasil, Crea, entre outras entidades.

“Destaco a importância de darmos continuidade ao que foi debatido e exposto durante o evento, desejando que esse seja o primeiro de muitos seminários a serem realizados com a ABCP”, afirma a engenheira Nadja Dutra, Coordenadora do Grupo de Trabalho em Planejamento e Acessibilidade do Crea/CE.

O arquiteto Rodrigo Botelho elogiou a abordagem da ABCP sobre normatização e utilização do piso intertravado como solução mais para a construção de calçadas. Contudo sentiu falta de uma proposta que incluísse o piso tátil. “Temos que pensar na inclusão social global, para deficientes físicos e visuais, por isso a importância de ampliar a discussão”.

Tags:, , ,