Caro usuário, este site utiliza cookies para ajudar a fornecer a melhor experiência on-line possível. Leia nossa Política de Privacidade para saber mais sobre as informações que coletamos em nosso site e sua finalidade. Ao continuar a usar este site, você concorda que podemos armazenar e acessar cookies no seu dispositivo.

IMPRENSA

Encontro da Coalizão Indústria com o ministro Paulo Guedes, da Economia

06/03/2020IMPRENSA, Noticias, Rio de Janeiro/Espírito Santo

Coalizão Indústria manifesta apoio à política econômica do governo

Presidentes de entidades da Coalizão Indústria são recebidos pelo ministro Paulo Guedes, no Rio de Janeiro

Apesar da retomada do crescimento econômico do Brasil ainda não ter ocorrido na velocidade e intensidade desejada e necessária, a Coalizão Indústria – que congrega entidades representativas de 13 segmentos da indústria de transformação e da construção civil, responsáveis por 45% do PIB industrial -, manifestou na sexta-feira (06/03/2020), no Rio de Janeiro, ao ministro da Economia, Paulo Guedes, seu apoio à política econômica do Governo. 

Tal posição deve-se ao fato de a política econômica do Governo ter compromisso com a melhoria da competitividade sistêmica do país e, em especial, da indústria. A Coalizão pretende reiterar ao ministro total apoio à agenda de reformas do Governo, por considerar que são essenciais para o desenvolvimento de forma sustentada do país. 

Após a aprovação da reforma da Previdência e da Lei da Liberdade Econômicaem 2019, pelo Congresso Nacional, os setores que integram a Coalizão Indústria pedem maior celeridade na tramitação da Reforma Tributária, em razão de ser este um ano de eleições municipais, o que dificultará a discussão de matérias no Congresso Nacional no segundo semestre. 

A Coalizão Indústria apresentou ao ministro Paulo Guedes as medidas que entende como imprescindíveis na reforma tributária: o equilíbrio das cargas tributárias intersetoriais, o fim da cumulatividade de impostos com a mudança do conceito de crédito físico para crédito financeiro, a desoneração das exportações, dos investimentos e da folha de pagamento, e a simplificação e a redução dos tributos.

Antes do encontro com o ministro Paulo Guedes, a Coalizão Indústria convidou a imprensa para uma entrevista coletiva, às 13h30, no Hotel Prodigy Santos Dummond, no Rio de Janeiro, da qual participaram os seguintes veículos:

1. Globonews

2. CNN

3. SBT

4. CBN

5. Jornal O Globo

6. Valor Econômico

7. Estadão

8. Folha de São Paulo

9. Portal G1

Para conhecer parte da repercussão deste evento, acesse:

  1. Globonewshttps://g1.globo.com/globonews/jornal-das-dez/video/representantes-da-industria-pedem-reforma-tributaria-em-encontro-com-guedes-8380440.ghtml
  2. Valor Econômicohttps://valor.globo.com/brasil/noticia/2020/03/06/grupo-da-industria-reforcara-a-guedes-que-priorize-a-reforma-tributaria.ghtml
  3. O Globohttps://oglobo.globo.com/economia/sem-reforma-tributaria-pais-nao-vai-retomar-investimentos-dizem-empresarios-24290445
  4. Folha de S. Paulohttps://www1.folha.uol.com.br/mercado/2020/03/investimento-nao-volta-sem-a-reforma-tributaria-diz-nova-coalizacao-da-industria.shtml?utm_source=whatsapp&utm_medium=social&utm_campaign=compwa
 
 

Reunião e coletiva de imprensa antes do encontro com o ministro Paulo Guedes

Reunião e coletiva de imprensa antes do encontro com o ministro Paulo Guedes

Reunião e coletiva de imprensa antes do encontro com o ministro Paulo Guedes

Reunião e coletiva de imprensa antes do encontro com o ministro Paulo Guedes

Coalizão Indústria

Tags:, , , , ,