Caro usuário, este site utiliza cookies para ajudar a fornecer a melhor experiência on-line possível. Leia nossa Política de Privacidade para saber mais sobre as informações que coletamos em nosso site e sua finalidade. Ao continuar a usar este site, você concorda que podemos armazenar e acessar cookies no seu dispositivo.

IMPRENSA

10/09/2015IMPRENSA, Noticias, São Paulo

A Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) da construção em destaque no Deconcic

Mario William Esper, diretor de Relações Institucionais da ABCP

 

Com foco no aumento de competitividade do setor da construção por meio de avaliação do ciclo de vida de produtos e sistemas construtivos, o Departamento da Indústria da Construção da Fiesp (Deconcic) promoveu nesta quinta-feira (10/09/2015), na sede da Federação, o Workshop Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) – Ampliação da Análise Ambiental de Matérias e Componentes da Construção.

As palestras apresentadas trouxeram, além de cases, novas tendências para a redução dos impactos ambientais do setor, inclusive mudanças climáticas. Entre as apresentações feitas no evento, merecem atenção especial, principalmente da cadeia produtiva do concreto e de artefatos de cimento, as do Inmetro, da Associação Brasileira de Avaliação de Ciclo de Vida, do Centro de Tecnologia em Edificações (CTE) e a do Conselho Brasileiro de Construção Sustentável (CBCS), palestra ministrada pelo professor Vanderley M. John, da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP).

 

Setor de Blocos de Concreto é pioneiro na ACV Modular

O professor Vanderley John falou sobre o projeto de Avaliação de Ciclo de Vida Modular, cujo piloto foi desenvolvido a partir do segmento de blocos de concreto com a parceria da ABCP e da Fiesp.

O desenvolvimento da metodologia de análise levou em conta quatro vertentes (CO2, energia, água e matérias-primas) e envolveu 34 fabricantes de blocos de concreto. Agora, a metodologia servirá de base e será usada para análise de outros setores produtivos.

No setor de blocos, a ACV será implementada em pequenas e médias empresas, que, com o processo em mãos, poderão publicar os dados devidamente auditados e, sobretudo, melhorar o seu próprio desempenho.

O workshop contou ainda com a presença do diretor de Relações Institucionais da ABCP, Mario William Esper. Representando o Deconcic, ele fez a abertura do evento, que reuniu cerca de 120 pessoas.

Tags:, , ,