IMPRENSA

29/09/2010IMPRENSA, Norte/Nordeste, Noticias

Pernambuco busca soluções para programas habitacionais

A Comunidade da Construção do Recife realizou no dia 31 de agosto, no auditório do Sebrae/PE, o seminário “Soluções para Programas Habitacionais – Sistemas Construtivos à Base de Cimento”. O evento reuniu cerca de 200 participantes,  – engenheiros e representantes de construtoras e órgãos públicos –, e  trouxe para o debate, alternativas de sistemas para moradias construídas em larga escala.

O seminário atraiu a atenção de grandes construtoras e diversas entidades e órgãos públicos, como Queiroz Galvão, Cinkel, Duarte, Romarco, Caixa Econômica Federal, Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea), Tribunal de Contas, universidades e Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab). “Destaco a importância desse seminário no contexto social do País. Nós só vamos conseguir dar ao Brasil a infraestrutura e o desenvolvimento de que precisa, se mudarmos a concepção sobre o modo de construir. Não é de tijolinho em tijolinho que conseguiremos construir as habitações previstas no programa Minha Casa, Minha Vida, e sim através de sistemas industrializados”, destaca Eryka Luna, diretora de infraestrutura da CEHAB.

“Hoje, existe a necessidade de se trabalhar com um sistema industrializado, sustentável, de grande escala, com qualidade, conforto térmico e que não gere resíduos”, explicou Mario William Esper, gerente Institucional da Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), que abordou o tema Sistemas Construtivos em Concreto-PVC.

Inovações tecnológicas, conforto térmico, implicações da nova norma de desempenho para o setor da construção civil e o posicionamento da Caixa Econômica Federal em relação a esses assuntos foram outros destaques do evento. “A apresentação da nova norma, seu entendimento e disseminação fazem parte da necessidade de conhecimento e adaptação a um novo padrão de exigências, que deve ser discutido, entendido, digerido e incorporado ao dia-a-dia das construtoras de todo o País”, explicou Inês Battagin, superintendente do CB-18 da Associação Brasileira de Normas Técnicas.

“Estamos em atendimento à nova norma de desempenho e o evento veio esclarecer diversas dúvidas em relação a esse assunto e aos novos sistemas construtivos. O seminário foi abrangente e proveitoso, pois esclareceu questões da maior importância para a gente”, afirmou Roberto Kelner, diretor da construtora Cinkel. “O nível de qualificação dos palestrantes foi altíssimo e os estudos de casos foram extremamente interessantes”, completou Eryka Luna, da Cehab.

Tags:, ,