IMPRENSA

22/12/2011IMPRENSA, Norte/Nordeste, Noticias

Sistemas construtivos para habitação no CE

O forte aquecimento do mercado imobiliário do Ceará e a necessidade de se construir obras cada vez mais rápidas com custos menores levou a Comunidade da Construção a promover, em outubro, o workshop Soluções para Programas Habitacionais: Sistemas Construtivos à Base de Cimento.

O evento aconteceu na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), em Fortaleza, com a presença de mais de 100 profissionais, sendo 40% deles arquitetos. “A presença dos arquitetos foi um diferencial, porque permitiu que eles conhecessem melhor as soluções construtivas para habitação”, explicou o representante da ABCP no Ceará, Adriano Pessoa.

Paredes de concreto moldadas in loco foi uma das tecnologias abordadas no workshop, pelo engenheiro Rubens Monge, da ABCP, destacando ser possível executar moradias em curtos períodos, com o uso de fôrmas moduladas. Além de não gerar entulhos, essa tem sido uma das principais escolhas das construtoras que estão no mercado de habitação popular, por permitir a produção em escala e repetitiva, de modo rápido e com redução de mão de obra.

Liderado pela ABCP e pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon/CE), o encontro também divulgou outros sistemas como: pré-moldados de concreto, concreto PVC (sistema Royal) e alvenaria estrutural com blocos de concreto. O workshop mostrou soluções de habitação para construções, principalmente em larga escala, complementa Adriano.

De acordo com a coordenadora da área de Edificações da ABCP, Glécia Vieira, a proposta da Comunidade de Fortaleza é fortalecer os sistemas industrializados, como alvenaria estrutural com blocos de concreto, com a implantação, em breve, do Programa Desenvolvimento de Construtoras (PDC/CE). “Ele buscará aumentar a competitividade e melhorar o desempenho das construtoras, por meio da difusão das melhores práticas de projeto, planejamento e execução desse sistema”, explica Glécia.

Tags: